domingo, 14 de fevereiro de 2010

Desde que o samba era semba é assim.



Aproveitando o período de carnavalização da vida social, desejo um bom carnaval à todos, e que posteriormente o ano comece bem. Lembrando que o ano novo é estar suscetível a mudança. Então, que tenhamos diversos anos novos durante o ano. Tenhamos o sentimento inerente a essa data e abracemos alguém desejando bem-aventuranças ou estouremos uma champagne por rito. Muitas das vezes nossos sucessos deixam de ser comemorados por falta de tempo. E o que é tempo? Este deixou de ser uma sucessão de dias, horas, minutos e segundo; e passou a ser um algoz que angustia nossas vidas. A grama verdejante e vigorosa será sempre a do vizinho? Dois mil e dez não começou.

Parabéns à mim e aos que nasceram nesta data.

5 comentários:

Ricardo Valente disse...

Gostei da advertencia e maturidade e vice-versa.
Aproveitar mais os momentos felizes. Curtir a quem se gosta, sem medo de demonstrar amor. AMAR!
Abracao cheio de saudade!

João Gilberto disse...

Parabens Eduardo, agora eu vou curtir o carnaval por aqui. Carnavalizar minha vida social. Até mais.

Luiz disse...

Caro amigo,
"Falta de tempo", muitas das vezes, nada mais é do que uma boa desculpa para desorganização. Ah sim, já ia me esquecendo. Hoje em dia, é chique ser ocupado. Ostentar aquela velha imagem de indefesso trabalhado e/ou estudante que nunca tem tempo para nada. Papo furado. No fundo, não importa se estamos ocupados ou não. O importante é parecer "sem tempo"...
Grande abraço e feliz aniversário! Muito tempo de vida!
Luiz Vasconcellos.

Roza Wiking disse...

E parabéns a todos que nasceram em novembro, autênticos filhos do carnaval.

Daniele Cezar disse...

essa foi forte.

mas é por aí mesmo!

miados de cá.